Estabelecida há quatro décadas no Brasil, a multinacional alemã especializou-se nas particularidades dos mercados ferroviário e rodoviário do país. O Grupo Knorr-Bremse mantém estratégia de crescimento através de aquisições de empresas e iniciativas de produção sustentável.

A Knorr-Bremse, líder mundial na fabricação de sistemas de freios e controles para veículos comerciais rodoviários e ferroviários, está celebrando 40 anos de operação no Brasil. Desde a chegada da multinacional alemã ao país, a companhia tem realizado fortes investimentos na modernização e expansão de suas instalações, linhas de produção, desenvolvimento e testes de produtos. Estabeleceu-se no mercado superando desafios da legislação brasileira, sempre antecipando-se às exigências ambientais. A Knorr-Bremse segue firme, com a estratégia de ocupar a primeira posição nos setores em que atua.

O presidente da companhia para o Brasil e América Latina, Sr. Oliver Erxleben, fez uma retrospectiva e comentou sobre os principais destaques dessa trajetória. “Crescemos imersos no aprendizado sobre as particularidades do mercado brasileiro, desenvolvendo, fabricando e comercializando sistemas de segurança complexos com tecnologia avançada para atender às necessidades dos nossos clientes. Investimos fortemente para estruturar áreas de laboratório e testes no país, e “tropicalizamos” nosso conhecimento aplicando o mesmo padrão de qualidade global da Knorr-Bremse na manufatura local”, disse Sr. Oliver. “Ao longo dos últimos anos, ultrapassamos com sucesso barreiras de adequação do portfólio às normas do Contran (Conselho Nacional de Trânsito); às especificações de redução de emissão de gases de efeito estufa; e, recentemente, à política de freios ABS (Anti-lock Breaking System). Hoje, a Knorr-Bremse está estabelecida no Brasil, atendendo às empresas líderes dos setores rodoviário e ferroviário”, apontou.

A história da Knorr-Bremse Brasil é marcada por superações, contínuo crescimento e inovação. Em 1977, iniciou operações na cidade de São Paulo com a fabricação de freios ferroviários, compressores e válvulas para veículos automotivos. Na época, o aumento extraordinário da demanda aliado à conquista de novos projetos fez com que a multinacional alemã apostasse na ampliação de sua instalação fabril na capital paulista, em 1983 – onde estruturou equipes qualificadas de vendas, desenvolvimento, produção e aftermarket, visando o atendimento de clientes do Brasil e de países sul americanos.

Há cinco anos atrás quando já despontava na liderança do setor, comprometida com o crescimento da demanda de clientes e a preservação do meio ambiente, a Knorr-Bremse deu um novo passo rumo à expansão de suas operações. Em 2013, investiu R$ 100 milhões na construção de uma nova planta na cidade de Itupeva (interior do Estado de São Paulo). A instalação inovadora e sustentável fabrica sistemas de freios comerciais e ferroviários, e oferece operações de serviços pós-venda para ambos os setores. Com certificação ISO 14.001 e conceito eco-friendly, a planta industrial da companhia em Itupeva logo tornou-se referência entre as demais unidades fabris do grupo ao redor do mundo.

A preocupação da Knorr-Bremse vai além do processo de fabricação. A companhia considera questões relacionadas a todo o ciclo de vida do produto, desde a extração da matéria-prima e meios sustentáveis de fabricação até a reconstrução de peças usadas e devolvidas à fábrica, com o intuito de reinseri-las no mercado através da remanufatura. Neste contexto, a multinacional alemã prioriza a otimização de recursos em todas as fases de produção e o descarte correto de itens não mais utilizados, minimizando impactos ambientais.

“O Grupo Knorr-Bremse se transformou numa empresa global, com presença em todos os continentes e fornecedora de produtos para as principais montadoras, além de líder no mercado. Mesmo com as incertezas econômicas, o Brasil é um de nossos mercados-chave para o qual continuaremos antecipando soluções em prol à satisfação de clientes e da sustentabilidade global. A Knorr-Bremse deverá ter um papel ativo na onda de automação que está transformando a indústria automotiva, impulsionando a conectividade, a integração de nossos sistemas e a expansão contínua de nosso portfólio por meio de novas aquisições de empresas com players já consolidados globalmente”, finalizou o presidente da Knorr-Bremse Brasil.

345 View